segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Dúvidas com sua incorporação? Você não é o (a) único (a)...

    Meus amados, o Ser Humano é inseguro de suas capacidades e sempre realiza com base na hesitação e na fragilidade da certeza; desta forma muitos de  têm dúvidas quanto à mediunidade. Apesar de aprendermos que a mediunidade está na corrente sangünea, que é inerente ao ser humano, insistimos em questionar e buscar dificuldades que só nos dificulta a caminhada, o desempenhar da missão. Sobre este assunto, que tanto incomoda e desarmoniza o Mestre, encontrei há pouco tempo um lindo e ilustrativo texto de um jaguar que, em verdeadeiro comportamento de missionário o escreveu, passando sua angústia, que acredito ter sido vivida por muitos Aparás e o mais importante, transmitindo uma grandiosa missão que certamente nos ajudará e esclarecerá acerca deste problema: a incorporãção. Quando encontrei este texto confesso que fiu tomada pela emoção de perceber que muito que vivi no meu desenvolvimento ali estava colocado com humildade e verdade e, meus amados, chorei...
  Para melhor aproveitamento do texto, melhor assimilação e aproveitamento, farei a postagem em três partes. Salve Deus!

imagem retirada da internet
            
                          



                        O DESENVOLVIMENTO DE UM APARÁ
                                           Vale do Amanhecer, 21 de fevereiro de 2007

   Salve Deus!
  No vale do Amanhecer existem duas mediunidades, o Doutrinador e o Apará. São forças distintas que seguem paralelas e todo o trabalho é realizado com a junção destas duas forças. O doutrinador é força básica, força do Sol que traz a luz da Razão, faculdade espiritual do Homem, por meio da qual ele pode conhecer e julgar, ou a inteligência humana considerada em sua faculdade de se elevar até a concepção do infinito e do absoluto. Em um trabalho, quendo mediunizado, traz com este acervo o equilíbrio e a segurança dividindo o bem do mal, e sua força básicaque vem do seu Sol interior, traz o poder dos Alufãs, enriquecendo e sintetizando todo o trabalho mediúnico.
   Sem sombra de dúvidas é a mediunidade que faltava para a humanidade, é o filho de Tia Neiva, é o mestre Sol, assim é o Doutrinador. salve Deus!
  Agora eu quero mesmo é falar do Apará. Falar sobre o fenômeno da incorporação é um assunto complexo e delicado. No Vale do Amanhecer é preciso patentear os conceitos básicos ensinados por nossa mãe clarividente. No Vale do Amanhecer não existe incorporação inconsciente. Nenhum médium ou entidade pode dizer a mediunidade de ninguém, isto é, se é Apará ou Doutrinador, a não ser o mestre encarregado no dia do teste.
Tia Neiva nos disse em uma de suas aulas para apará que  todos nós somos mediuns de desdobramento e transporte, e quando estamos incorporados. e que a entidade pede ao paciente para levar o pensamento em sua casa, quem vai até a casa do paciente não é o preto velho, mas sim o medium é que faz o desdobramento e vai até a casa do paciente, trazendo as energias para a realização do trabalho.
   A nossa consciência ou semiconsciência é importante porque somos um filtro para a mensagem. Salve Deus! também  a entidade só pode agir de acordo com o grau de evolução do médium. " qQuanto mais simples e humilde for o medium Apará, maiorserá a sua força", já dizia Tia Neiva. Então, para que complicar, né?
  Incomoda-me muito quando vejo um Apará com dúvidas de sua incorporação. Apará é a voz direta do céu e para tal, é preciso fazer uma boa mentalização antes de uma incorporação. Elevar a mente a Jesus, pedir que Ele te faça um verdadeiro instrumento. Para sentirmos mais o nosso mentor e nossos guias espoirituais, precisamos nos aproxiomar deles, buscar estabelecer um relacionamento com eles, utilizando para isto nossa conduta doutrinária, já que sem ela não teríamos  a mente aberta para senti-los.
  Em uma de suas aulas, a Tia Neiva, nos disse que para falarmos com nossos guias ou mentores devemos procurar uma àrvore frutífera, nos acomodar em sua sombra e fazer o exercício de respiração: aspirando o ar pelo nariz e soltando pela boca, assim vamos expelir os maus fluidos, ou energia cármica até sentir a nossa energia  extracósmica. 
Em um momento de harmonia, sem pressa, mentalize o mentor ou guia e ali procure conversar com ele, mesmo que você não o ouça no momento, tenha certeza de que ele te ouvirá e quem sabe, numa outra oportiunidade, ele poderá te responder em um sonho ou em uma visão, ou ainda numa frase dita por uma criança, por um mendigo, por um louco, quem sabe?
  A Tia tinha uma história com um pequizeiro, né? Então, Faça a sua! O importante é se conhecer cada vez melhor e saber o que verdadeiramente temos e assim, não ter mais dúvidas.
  Tia dizia que as entidades vem em nossa casa para nos visitar quando estamos tranquilos, harmonizados. Mas, quando estamos sofrendo, elas não conseguem se aproximar. È impoirtante cultivaros pensamentos positivos, e buscar sempre o nosso equilíbrio. Não devemos esquecer que somos faca de dois gumes;" Quando não estamos fazendo o bem, estamos fazendo o mal." Já dizia Umahã:" Se fizerdes o bem crescerás como uma rama selvagem; se fizerdes o mal, perecerás!"

Apará! Apará! Fonte de àgua do Divino que mata a sede dos aflitos e angustiados que deles necessitarem.
Aparà! Apará! Que na sua inconsciência traz consigo o faco de mel para revitalizar as energias daqueles que estavam desiludidos.
Apará! Apará! para servir de perfeito instrumento de Deus é preciso apenas transformar em ação as palavras: amor, tolerância e humildade

                          Apará, Apará!
                          Com sua conduta
                          insiste na luta
                          e traduz no olhar
                          riquezas do luar
                                Salve Deus!

Vou contar como foi o meu desenvolvientro como Apará e todas as dificuldades de todo Apará neste período complicado.
   NMo ano de 1975 ingressei como Doutrinador. Fiquei Doutrinador, filho de jurema por um ano e três meses mais ou menos, quando na segunda consagração de uma escalada passei mal no esquife. Procurei Tia Neiva para saber o que se passava. Ela, então, pediu-me que tirasse a capa, o colete, a fita e fosse passar nos trabalhos.
_ Não, Tia. Eu não posso tirar o uniforme. tenho que terminar a minha escalada. E a minha Ninfa como é que fica?...
_ Já falei com sua Ninfa e arrumei outro Doutrinador. Pode ficar tranquilo, filho.
E assim começou o meu desenvolvimento, aconselhado pelos pretos velhos.
  No meu primeiro domingo, depois da palestra, fomos para a linha de passe- para uma primeira incorporação. O instrutor fez o convite ( tudo bem!) Pediu o nome da entidade, e de primeira mão a entidade se apresentou como Pai João.
Bem, nós somos conscientes e  para mim  já era uma evolução. Quem sabe se em outra oportunidade diria a sua origem e outras coisas maravilhosas. Porém, o instrutor começou a interrogar com muita insistência querendo saber:- Pai João de quê?
Então começou um conflito em meu meu íntimo: o que era um progresso, para mim, para aquele instrutor era apenas desconfiança. Então, depois de muita insistência:
_ pái João de onde? Tem que ser de algum  lugar". Então ele chamou para perto de nós outro instrutor e fez outro comentário desaprovador, dizendo:
_ Olha aqui, Fulano, é outro Pai João! Só Pai João, o grande Pai João!
   dava para entender que ele se referia ao pai João de Enoque e assim agradeceu a entidade pela presença pedindo que ele desocupasse o aparelho. para mim, que sou medium consciente, a experiência da primeira incorporação foi terível. Saí dali acreditando que se tratava de minha psiquê e que eu não era médium de incorporação.
CONTINUA...
( O texto é de autoria do Mestre carlan, segundo está assinada a cópia que tenho nas mãos)
 

8 comentários:

  1. Muito bom dia, Ninfa! Estou fasendo meu desenvolvimento como apará e estou tendo inúmeras dúvidas. Gostaria da integralidade do texto, cuja primeira parte você postou. Ainda o possui?

    ResponderExcluir
  2. O restante da postagem está no dia de fevereiro de 2011, Caso não consiga acessar favor me mandar um e-mail: Juremamarianogueira@hotmail.com. Salve Deus.

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde , ninfa! Eu já fiz minha iniciação, e foi no dia 22.09.2012 mais para dizer a verdade eu nem sei se deveria ter feito mesmo assim minha preta velha deu permissão mais mesmo antes de fazer a iniciaçao ela nao falava, e de vez enquando ela saudava e contiua assim agora eu nao sei oque fazer o mestre do templo disse que preciso de mais tempo, mais realmente nao sei oque fazer.

    ResponderExcluir
  4. Salve Deus mestra, acabo de concluir meu desenvolvimento e venho trabalhando sempre que posso, Todavia as duvidas são inevitáveis, as mesmas só não são piores por conta de minha fé em Deus primariamente e depois em meus Mentores, contudo mestra acredito que este texto seja de um valor incalculável para minhas dúvidas
    dúvidas, já procurei em todo blog da senhora mais não achei. Peço-lhe mestra humildemente q me mande por email, rafaelfferreira@hotmail.com.br. Desde já muito obrigado.
    Salve Deus

    ResponderExcluir
  5. Salve Deus .
    Estou desenvolvendo minha mediunidade como apará já fiz 8 aulas e até hoje não sei o nome dos meus mentores entidades. Não sei se é pela ansiedade . tenho dúvidas . Se possível me envia no meu email a outra parte do texto a cima . gabrielabortoluzi @gmail.com
    Salve Deus.

    ResponderExcluir
  6. nao sei o porq se eh o)medium ou o mentor ,so sei q nao deveria existir mais duvidas quanto se estou ou nao incorporado ,isso e muito prejudicial para a consiencia do aparelho ,tambem acho a aula de desenvolvimento muito rapida e corrida alem do mais de domingo em domingo sem poder treinar na pratica dentro desses intervalos e muito ruim pra gente ,nos temos uma vida conturbada,trabalho,famia,conflitos e nem sempre da)pra se)armonizar em pouco tempo pra tenta encorpora um preto velho,salve deus,quantos mestres ja sairam da doutrina por causa disso meu deus .duvidas sera eu ou o mentor ,eu acho na minha umilde opiniao q tem q haver uma mudanca muito grande pra preparacao de nos mediuns pra mim eu acho q nao ta dando muito certo incorpora eu sei q incorporo agora pra parte de sintonia e depois de 7 aulas inplacar e ja da consultas sem nem saber se realmente a pesoa ta firme e problema ate pra nos aparas ,,,primeiro q to vendo muitas duvidas muitas mesmo na net a respeito desse asunto ,sou eu ou o mentor,,tomara q parta la de cima uma nova forma de educar nossos aparelhos por q estamos indo tipo na)marra e eh muito pouco tempo e atencao pra gente q eh apara,por q todos somos diferentes tem uns q disem q sentem totalmente a entidade e outros q nem sabe se a entidade tava sintonizada asim mesmo da consulta,tem algo de errado e pelo amor de deus q venha a resolucao desse problema urgentemente salve deus,nao podemos mais conviver com essas duvidas,

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir